Anemômetro: Principais aplicações de medição de velocidade do vento   

    Existe uma grande variedade de instrumentos de medição disponível no mercado, com diferentes funções e para vários setores. O anemômetro é um desses dispositivos, e como um equipamento meteorológico, sua função é medir a velocidade do vento. Este equipamento pode ser utilizado para vários fins, desde testes de sistemas de ventilação, até estudo de campo para lavouras.

Neste artigo você irá descobrir as principais aplicações do anemômetro e como ele funciona. Boa leitura!

Anemômetros
    No mercado podem ser encontrados vários tipos de anemômetros, cada um para uma necessidade específica do comprador. Além da velocidade do vento, alguns modelos também podem medir outras grandezas.

    Os anemômetros podem ser digitais, portáteis, calcular vazão do ar e até mesmo vir com outras funcionalidades de medição que podem ser acopladas. Apesar das variações, grande parte dos modelos permite a escolha da unidade de leitura da velocidade e é de fácil manuseio, com leitura digital.
 
Principais aplicações do anemômetro


Estação meteorológicas
    As estações meteorológicas são ferramentas essenciais para monitorar as condições climáticas nas mais variadas aplicações, como monitoramento do clima, agricultura, portos, aeroportos, etc.

Gerador eólico
    Este equipamento tem como função gerar energia elétrica. Seu funcionamento se dá por meio das hélices do gerador, a energia cinética do vento é convertida em energia mecânica rotacional, que por sua vez é transformada em energia elétrica. Com o anemômetro acoplado é possível medir a velocidade e a força do vento e calcular a produtividade do gerador elétrico.

Portos e aeroportos
    O anemômetro se faz necessário em portos e aeroportos por conta das normas de segurança do trabalho:
*NR18 (A grua deve dispor de dispositivo automático com alarme sonoro que indique a ocorrência de ventos superiores a 42 Km/h).
*NR12 (O equipamento de guindar utilizado para movimentar pessoas no cesto suspenso deve possuir, no mínimo: A) anemômetro que emita alerta visual e sonoro para o operador do equipamento de guindar quando for detectada a incidência de vento com velocidade igual ou superior a 35 km/h).

Agricultura
    O vento excessivo é um grande problema nas áreas rurais pois influencia diretamente no crescimento das culturas. Sendo assim se faz necessário o monitoramento da velocidade e da direção do vento por parte do produtor, e o anemômetro é o equipamento perfeito para isso.

Pórticos e pontes rolantes externas
    O anemômetro é importantíssimo em locais onde são utilizados pórticos e pontes rolantes, a fim de prevenir e evitar acidentes causados pelo excesso de vento produzido sobre eles. Esses equipamentos também se enquadram nas normas de segurança, NR18 especificamente.


    Agora que já sabe quais são as principais aplicações do anemômetro, fica mais fácil adquirir o seu novo equipamento. Entre em contato com um especialista GHM e saiba qual é o aparelho mais indicado para sua aplicação.